A Bela & A Fera 2017

636185731684991480-BeautyBeast-USA-TODAY-Still-finout-12-08-16.jpg

Olá pessoas 😀

Nesse último fim de semana fui conferir no cinema a versão live-action de A Bela e A Fera

E para quem disse que A Bela e Fera é realmente fiel ao desenho, tem toda razão e quem iria querer que fosse diferente? Mas vale dizer que o filme traz também algumas cenas a mais que incrementam a história e tem a intenção de esclarecer alguns fatos que nos ajudam a entender um pouco mais sobre os personagens e fatos de suas vidas esquecidos anteriormente que ajudaram a moldar suas personalidades, como os pais da Fera e também a mãe da Bela.

Emma Watson está perfeita como nossa Bela, e o que dizer de Luke Evans como Gaston? Não podia ser melhor:

live-action-beauty-and-the-beast-gaston-hair

tumblr_m5vnepJJdp1rqq0c0o1_500

E sem falar no Lefou vivido por Josh Gad é um show à parte, que me fez até gostar mais do personagem.

Ouvir novamente aquelas canções que conhecíamos de cor e salteado foi uma emoção ainda maior, e me vi muitas vezes com um sorriso estampado no rosto em diversas cenas do filme.

 Enfim, resta só avisar à você caro leitor que lê esta declaração, que esta lendo a resenha de uma fã  declarada. E se você é assim como eu adora o desenho então corre para assistir o filme, tenho certeza de que vai amar assim como eu 😀 e as crianças de hoje tem uma chance de se apaixonar também pelos personagem tão queridos por nós: O candelabro Lumiere, o relógio, Madame Samovar e Zipe e tantos outros.

tumblr_okmmrr7jI41st0dt8o5_500.gif

bela-e-a-fera-2

gif1-9.gif

bela-fera

gif-3.gif

a-fera-e-a-bela.gif

tumblr_ogmzv1bthp1u5iipuo3_500

a-bela-e-a-fera-nova-imagem-disney-1

😀 é muito amor para um coração ❤

E vocês ? Já assistiram ou querem muito assistir? Comentem nos cometários!

Super beijo da Ká! 😉

Aconteceu Naquela noite :Filminho clássico para assistir hoje à noite

aconteceunaquela-600x400

Neste clássico de 1934 Clark Gable é Peter, um jornalista que não está em um bom momento da carreira e vê em  Ellie Andrews (Claudette Colbert) a sua chance de escrever uma boa história. Acontece que Ellie é a filha de um banqueiro milionário quee resolveu fugir de casa quando seu pai se declara contra seu casamento com um playboy que segundo ele não passa de um aproveitador.

É assim que começa nossa história. Com a fuga de Ellie e suas tentativas frustradas de chegar até Nova York e encontrar seu noivo. Quando ela toma o mesmo ônibus que Peter Warne é que as situações mais hilárias começam a acontecer. Peter descobre que a moça mimada e atrapalhada com a qual divide o assento é na verdade a filha procurada de um banqueiro que tem o rosto estampado nos jornais, e se oferece para ajudar a moça a chegar até Nova York com intuito de escrever uma história sobre ela e assim recuperar seu emprego.

18818747.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

A relação deles no começo é cheio de farpas e provocações. As típicas comédias românticas dos dias de hoje devem sua receita a esse clássico do cinema ganhador de cinco Oscars. Essa fórmula simples que já provou que deu muito certo com seus inúmeros discípulos dos dias atuais. O típico casal que se odeia e são obrigados a passar determinado tempos juntos.

aconteceu-naquela-noite-1934

A famosa “Muralha de Jericó” montada no meio do quarto para separar o casal.

Acontece que aos poucos tanto ódio vai virando amor. Essa história vocês já conhecem não?

Temos a mocinha rica e mimada que luta pela independência e pelo direito de tomar suas próprias escolhas. E em meio a tudo isso acaba conhecendo o amor de verdade.

O filme é repleto de cenas memoráveis. Uma delas é a cena que se tornou famosa em que Ellie resolve mostrar as pernas para pedir carona na estrada.

Aconteceu Naquela Noite

Segue a dica para um filminho divertido para curtir nesse finzinho de domingo. 😀

 

aconteceu naquela noite 1

 

Bjinhoos e até a próxima!

 

 

 

Como Água para Chocolate

como agua para chocolate

Olá pessoal tudo bem com vocês?! Hoje resolvi trazer a resenha de um livro que já li faz um tempinho mas ainda está bem vivo na memória. O livro “Como água para chocolate” da escritora mexicana Laura Esquivel, narra a história de amor entre Tita e Pedro. No méxico do século XX em uma fazenda moram Tita, sua mãe e suas duas irmãs. Tita, por ser a filha mais nova é condenada a cuidar da mãe até a morte e nunca se casar, conforme uma antiga tradição. Acontece que Tita pobrezinha se apaixona por Pedro Muzquiz e este, também perdidamente apaixonado, resolve pedir à mão de Tita em casamento. Mas a mãe de Tita proíbe permanentemente o casamento entre os dois e oferece Rosaura, sua filha mais velha para casar-se com Pedro e este então aceita o casamento para que dessa maneira consiga ficar sempre perto da amada. E então se segue o sofrimento da protagonista, condenada a cuidar da sua intragável megera  mãe.

O livro é dividido em doze capítulos e cada um deles começa com uma receita. Acontece que Tita é a cozinheira da família, e cada receita revela os sentimentos vividos por ela naquele momento. É como se os ingredientes de cada receita absorvessem o estado de espírito de Tita e provocassem as mesmas sensações naqueles que provam a comida.

IMG_20160325_154901772

O livro nos traz uma história de amor proibido, onde a pobre Tita sofre pelo seu destino. Tudo isso contado com uma mistura de sensualidade, humor e bastante fantasia. Sem dúvidas ”Como água para chocolate” traz uma narrativa diferente de todas que já li, ela tem uma forma única que difere de outras obras tornando a leitura especial.<3

Ah colegas, e se por acaso quiserem também uma experiência visual corre lá na Netflix que tem o filme homônimo da obra. Vale a pena conferir:

 

Super beijo 😀

 

Filme: Um Senhor Estagiário

sem_titulo_76

Olá pessoal tudo bem com vocês? Hoje vou deixar aqui a dica desse filme tão delicinha de se ver que de quebra conta com Anne Hathaway e Robert De Niro no elenco ❤

De Niro faz o papel de um viúvo aposentado de 70 anos chamado Ben Whittaker que fugindo da sua rotina monótoma se candidata ao cargo de estagiário “sênior” na bem sucedida empresa de Jules Ostin (Hthaway).

De um lado temos Ben: um senhorzinho super simpático, educado e gentil. Do outro temos Jules: uma mulher forte, bem sucedida, super atarefada e com problemas no relacionamento. Ben é designado a trabalhar para Jules mas a relação deles logo de início é bem distante. Mas Ben quer ser útil e não demora muito para se tornar o estagiário mais querido da empresa. Menos é claro, para a própria Jules, que praticamente o ignora.

senhor-estagiario-caixeiro-viajante-10

É divertido ver os contrastes de gerações e gostoso de ver como a relação de Ben e Jules vai se estreitando com o tempo. Jules se vê deixando seus preconceitos de lado e nasce assim uma bela amizade e uma enorme cumplicidade entre eles.

c

Um Senhor Estagiário não é aquele filme que vai te fazer rolar de rir ou coisa parecida. Mas vai fazer você dar boas risadas e te proporcionar boas lições, além de deixar seu espírito bem leve com essa história tão gostosa de se ver. 😀

senhor estagiario

 

Bjinhos 🙂 Até a próxima!

 

Casablanca

casa blanca2

Se ainda não assistiu Casablanca com certeza já ouviu falar desse clássico norte-americano  de 1942. Casablanca é um daqueles filmes que ganhou prestígio e popularidade com o tempo e hoje é considerado um dos maiores filmes da história do cinema.

O roteiro foi baseado em uma peça de teatro que nunca havia sido encenada. A história se passa em uma cidade marroquina chamada Casablanca, por onde passa inúmeros refugiados da Segunda Guerra Mundial. E é nessa Colônia francesa que se encontra o “Café de Rick”, a casa noturna mais popular de Casablanca administrada por Rick Blaine(Humphrey Bogart). Rick é um americano reservado e apolítico, que se mostra neutro em todos os campos recebendo clientes de todos os tipos, desde funcionários da Alemanha Nazista até refugiados de guerra.

 

casa blanca1

Numa noite Ugarte, um sujeito procurado pela polícia acusado de matar dois mensageiros alemães, deixa em poder de Rick dois salvo-condutos em brancos que seriam destinados a um casal que teriam então passe livre para chegar até Lisboa e em seguida aos Estados Unidos. Pouco depois de Ugarte ser preso eis que adentram no café Ilsa Lund (Ingrid Bergman), uma ex -paixão de Rick, e seu marido Victor Lazlo (Paul Henreid). Acontece que Victor é um renomado líder da resistência tcheca que enfrentava os nazistas, e tem interesse de comprar os passes e dar continuidade aos seus trabalhos revolucionários.

casa blanca5

Quando revê sua amada uma onda de sentimentos cercam o impassível e amargo Rick. E descobrimos que Ilsa e ele tiveram um breve e intenso romance em Paris e quando ele teve que fugir da França seu plano era de que fugissem juntos. Porém Ilsa nunca apareceu, apenas deixou uma carta sem explicar seus verdadeiros motivos. Rick nunca mais a viu até aquela noite quando a vê acompanhada de Victor.

casa blanca4

Os motivos de Ilsa não ter fugido com Rick só são explicados mais tarde, quando ela revela que se envolveu com ele depois de acreditar que seu marido havia morrido em um campo de concentração nazista. Quando descobriu a verdade, que seu marido havia conseguido escapar, não teve coragem de revelar tudo a Rick e nem de abandonar o homem cheio de ideais por quem ela sempre nutriu grande admiração.

Assim Rick se vê diante de um grande dilema: Entregar os vistos à Lazlo para que ele possa fugir com sua esposa e dar continuidade a suas ações patrióticas e políticas, ou usar ele mesmo o visto para fugir com sua amada e reviver seu romance?

É com essa decisão que Rick, com toda sua pose de durão se mostra um romântico incorrigível. E independente de qualquer desfecho vale sempre lembrar que Rick e Ilsa sempre terão Paris. ❤

Um ótimo filme e uma ótima história ao som de “As Time Goes by”

 

 

 

 

Nostalgia – 12 Filmes da minha infância

edward maos de tesoura

Gente uma das minhas diversões na infância era ficar em frente à tv assistindo Sessão da Tarde kkk velhos tempos! 🙂 aí tem aqueles filmes que você não consegue esquecer porque você assistia sempre. Minha babá quase perfeita, curtindo a vida adoidado, Quero ser grande, Querida encolhi as crianças, mudança de hábito e muito outros, são clássicos. Segue aí uma listinha com 12 filmes que eu vi e revi milhares de vezes. ❤

1. Meu Primeiro Amor (1991) – posso dizer que esse foi o primeiro filme que me fez chorar na vida rsrs

meu primeiro amor

2. Matilda (1996) eu adorava assistir esse filme *-* sonhava que tinha super poderes igual a ela :p

matilda

3. Ninguém segura esse bebê (1994) – o bebê mais fofo do mundo ❤

ninguem segura esse bebe2

4. Jumanji (1995) – simplesmente adorava! Mas aquele batuquizinho do jogo me deixava com medo :p

jumanji

5. A franquia De volta para o futuro – simplesmente o melhor! amo esses filmes 😀 juntava toda a molecada para assistir. Pena que ainda não inventaram o skate voador né?

.de volta para o futuro

6. Jurassic Park (1993) – Já perdi as contas de contas vezes assisti rs

jurassic

7. Karatê Kid – A dupla Daniel-san e Senhor Miyagi era demais 🙂

karate kid

8. K – 9 Um policial bom pra cachorro – Eu adooooro os três filmes :p

k9

9. Os goonies (1985) – Sou do tempo em que esse filme era figurinha repitida na sessão da tarde 😀

os goonies

10. Débi & Loide: dois idiotas em apuros (1994) -Não tem como negar que esses dois idiotas fizeram parte da minha infância.

debi e loide

11. Denis, o pimentinha (1993) – pobrezinho do sr. Wilson 🙂

denis o pimentinha

12. Esqueceram de mim – Falar dos filmes da minha infância e não citar os filmes Esqueram de Mim é impossível, dava vontade de fazer armadilhas pela casa inteira depois de assistir aqueles filmes kk

esqueceram de mim

E vocês? quais os filmes que mais assistiram na infância? 😀

Por que amamos “A Culpa é das Estrelas”?

hazel e gus

Olá pessoal tudo bem com vocês? Semana passada assisti pela segunda vez o filme “A culpa é das estrelas” e então resolvi falar um pouquinho dele aqui no blog, aliás não só do filme mas do livro também. Confesso que li o livro movida a curiosidade, por que na época teve muito zum zum zum em torno do livro então eu pensei “Esse livro deve ser muito bom já que estão comentando tanto ou muito ruim” e lá vou eu comprar o livro para conferir eu mesma e tirar minhas próprias conclusões. Só que eu tenho um certo problema nesses casos pois na grande maioria das vezes eu acabo me decepcionando com a história e penso “Poxa tanto barulho por nada!”, pois é, confesso que foi meio com esse sentimento que comecei a ler o livro, quase que prevendo a minha decepção entende? rs e até que foi assim no começo da leitura mas depois que terminei o livro veio aquele sentimentozinho que é tão difícil de descrever quando você termina uma leitura que acabou te cativando de alguma maneira, seja pela sua simplicidade, seja pela sua verdade, ou por algum personagem que acabou te prendendo na história. Comigo foi assim. A escrita fácil e descomplicada de John Green da aquele toque delicado e doce e torna a leitura bem fácil de degustar.

Hazel Grace Lancaster é uma adolescente de dezesseis anos diagnosticada com câncer de tireoide desde os treze. A doença afeta drasticamente a funcionalidade de seus pulmões, mas então uma droga que faz parte de um tratamento experimental passa a fazer efeito fazendo com que o tumor reduza de tamanho.

images (7)Hazel não é aquela personagem “coitadinha” nem é retratada como a vítima da história. Não é o câncer que a define, ela tem sua personalidade bem constrúida e apesar de saber que sua doença é incurável e de que provavelmente não dispõe de muito tempo de vida sua única preocupação é no sofrimento e dor que sua morte causaria em sua família. Então ela passa a frequentar um grupo de apoio a pedido de sua mãe que acredita que ela esteja entrando em depressão. E é nesse grupo que ela conhece Augustus Water, um jovem que teve osteossarcoma e devido ao câncer acabou perdendo uma das pernas. Gus é aquele personagem otimista, bem humorado que vai trazer mais alegria para a vida de Hazel que reluta a se render ao inevitável romance entre os dois.

É estranho dizer que só passei a gostar de fato do livro depois que terminei a leitura? É como eu disse, ao terminar o livro fiquei com aquele gostinho de perda no coração e carreguei o romance dos dois por um tempinho comigo. E eis que surge tempo depois o filme. Eu já tinha decidido que não assistiria, ou pelo menos não iria sair correndo para conferir. Achava que ficaria apelativo demais ou que não convenceria. E então um bom tempo depois me rendi e fui conferir o filme e devo dizer que ele conseguiu captar exatamente a essência do livro e não conseguiria imaginar alguém mais perfeito como Hazel Grace do que Shailene Woodley.

O filme me cativou muito, talvez até mais do que o próprio  livro. Tráz toda a doçura do amor adolescente ficando impossível não se emocionar com os dois.

images (5)

O melhor de tudo é que a história não gira em torno do câncer, quer dizer não é só sobre o câncer que a história trata. Ambos lançam diversos questionamentos sobre a morte. Gus tem o medo de ser esquecido, Hazel se preocupa com quem irá ferir com sua morte. A morte está ali presente e ela sabe disso, aos dezesseis anos ela tem consciência de que não irá envelhecer. E por esse motivo se recusa a se entregar em um relacionamento com Gus e fazer com que mais uma pessoa seja afetada com sua morte. Gus é um personagem cheio de tiradas sarcásticas e toda a sua aparência de forte e segura esconde na verdade sua insegurança e o medo de ser “esquecido”. Em meio a tudo isso você se apaixona pelos dois e é esse amor doce que te cativa. Afinal quem não tem medo da morte e de ser esquecido?

hazel e gua

Hazel compartilha seu livro favorita com Gus. O livro chamado “Uma Aflição Imperial” termina literalmente no meio de uma frase deixando várias perguntas em aberto. Hazel é fã do livro e do autor mas ele nunca respondeu suas cartas em que ela pedia respostas sobre o fim do livro. Então Gus e Hazel como em um conto de fadas conseguem embarcar em uma viagem para conhecer Peter Van Houten, o autor do livro, para conseguir respostas. Mas toda a expectativa de Hazel de finalmente estar cara a cara com seu escritor favorito não sai bem como planejado mas de certa maneira a viagem acaba se tornando melhor do que o esperado em outros sentidos.

images (1)

Me apaixonei do mesmo jeito que alguém cai no sono: gradativamente e de repente, de uma hora para outra.”

Hazel enfim se permite viver esse amor mesmo acreditando que ela seja uma granada prestes a explodir.

Jantar

tumblr_n5run11y651stpwsmo1_500

Nessa hora se você é a mais pura manteiga derretida da face da terra já estará com os olhos vermelhos. E coleguinha a partir desse ponto as coisas só pioram 😦  prepara os lencinhos porque titio Green não poupará seu coração.

a-culpa-e-das-estrelas-novo-video49882

Quando li o livro não estava preparada para a reviravolta do final e acho que isso foi o que de fato me surpreendeu bastante porque minha mente estava preparada para outro desfecho.

images (6)

E então você se vê gradativamente se apaixonando. Assim como acontece com Hazel. E com eles você aprende que o mundo não é mesmo uma fábrica de realização de desejos. Nem sempre é justo. E a culpa é de quem? Nem sempre as coisas saem do jeito que planejamos ou conforme as nossas atitudes, e como consequência de nossos atos. Às vezes nossa vida é afetada por uma força maior. Às vezes a culpa é mesmo das estrelas. ❤ ok?

(…) Não posso falar da nossa história de amor, então vou falar de matemática. Não sou formada em matemática, mas sei de uma coisa: existe uma quantidade infinita de números entre 0 e 1. Tem o 0,1 e o 0,12 e o 0,112 e uma infinidade de outros. Obviamente, existe um conjunto ainda maior entre o 0 e o 2, ou entre o 0 e o 1 milhão. Alguns infinitos são maiores que outros. Um escritor de quem costumávamos gostar nos ensinou isso. Há dias, muitos deles, em que fico zangada com o tamanho do meu conjunto ilimitado. Queria mais números do que provavelmente vou ter, e, por Deus, queria mais números para o Augustus Waters do que os que ele teve. Mas, Gus, meu amor, você não imagina o tamanho da minha gratidão pelo nosso pequeno infinito. Eu não o trocaria por nada nesse mundo. Você me deu uma eternidade dentro dos nossos dias numerados, e sou muito grata por isso.” (Pág. 235)

E só porque amei muito também a trilha sonora do filme: 🙂

O Senhor dos Anéis – Livro e Filme

download (4)images (17)

O que falar dessa obra genial de Tolkien?! Eu conheci primeiramente O Senhor dos Anéis através dos filmes. Na  época em que assisti pela primeira vez os três filmes já haviam sido lançados no cinema a tempos, já tinha ouvido falar deles mas nem fazia idéia do que se tratava e lembro que a primeira vez que vi A Sociedade do Anel achei incrivel. Meu Deus eu tinha que assistir os outro filmes e tinha que ser logo. Foi assim que conheci a trilogia e me apaixonei pela história. Foi então que pensei “Eu preciso ler os livros“! Mas na época não tinha condições de comprar e o desejo ia sendo adiado. Na época eu com meus doze ou onze anos não tinha o hábito de ler e sempre ouvia que os livros de O senhor dos Anéis eram extensos e cansativos. O tempo passou e não sei bem por que motivo adiei tanto para ler, mas quando finalmente havia comprado os três livros não os li logo de cara, pelo contrário, ficou um bom tempo guardadinho na minha estante esperando o momento certo. Acho que eu queria dar a devida atenção à eles sabe? ouvia tanto dizerem que era um livro cansativo e eu já amava tanto a obra antes mesmo de lê-la que não queria começar a ler e desistir, queria mergulhar de cabeça e me dedicar do jeito que ela merecia. Foi então que um tempo depois resolvi fazer uma maratona e rever os três filmes novamente, e nesse embalo todo foi que pensei: “essa é a hora”! Comecei a ler  A sociedade do Anel e acreditem li num tapa mesmo. Li super rápido, adorei o primeiro livro e estava assistindo ao terceiro filme quando comecei a ler As duas torres, foi nesse ponto que a leitura brecou um pouco. Achei o segundo livro um pouco arrastado demais, demorei um pouco mais para terminar, tanto que quando terminei não comecei logo a ler o terceiro, esperei um pouco. Mas em O Retorno do Rei a leitura fluiu mais rápido, nele acontece muita coisa mas tudo muito rápido. Para quem é fã é suspeito falar mas Tolkien conseguiu criar um fantástico mundo da Terra Média e transformá-lo em imortal, tanto que mais de sessenta anos depois ainda conquista fãs pelo mundo inteiro. Acho que o segredo é não ir com tanta sede ao pote. Se quer se aventurar nos livros não tenha pressa. Eu tenho um certo problema de começar um livro e querer terminá-lo logo. Isso não funciona em O Senhor dos Anéis, senão você vai se frustrar e corre o risco de querer abandonar a leitura. Leia com calma, se deleite com cada detalhe e intercale outras leituras se preferir.

Quando o famoso Bilbo Bolseiro de Bolsão anuncia sua festa celebrando seu onzentésimo primeiro aniversário há uma grande comoção no condado, dentre os convidados está o já conhecido velho mago Gandalf. Só que Bilbo planeja realizar uma certa façanha no fim da festa que na verdade é uma despedida, pois o velho hobbit planeja partir para uma última aventura. Durante seu discurso de despedida Bilbo usa seu anel (images (21)capturado por ele quando conheceu smeagól) para pregar uma peça em todos e “desaparecer” durante a festa. Gandalf desconfiando então da origem e do poder do anel convence Bilbo a deixá-lo aos cuidados de Frodo e partir para sua aventura sem ele. É então que a vida de Frodo começa a mudar pois anos mais tarde Gandalf retorna e explica à Frodo que o Um anel deve ser levado à Valfenda onde um conselho irá decidir o seu destino. Então o poder do Um anel é revelado e uma sociedade é formada com o intuito de garantir sua destruição e assim evitar que Sauron, o verdadeiro dono do anel, retome seu poder e destrua a Terra Média e tudo o que há de bom nela. Então Frodo, sendo o portador do anel parte junto com a sociedade do Anel afim de destruir o Um anel no fogo da montanha da perdição, porém muitos obstáculos irão se impor em seu caminho. E frodo deverá ser forte para suportar e não sucumbir ao peso do poder do Anel que deseja desesperadamente voltar ao seu dono.

O que mais me chama atenção as obras de Tolkien são as riquezas de detalhes. Tolkien descreve a Terra Média com perfeição absoluta que é difícil para o leitor não se prender no livro e acreditar que de fato esse mundo não existiu. Sem falar na descrição de cada povo: são hobbits, anões, elfos, orcs, a raça dos homens e por ae vai. É um universo inteiro construído com riqueza de detalhes sem mencionar as línguas élficas, mapas e árvores genealógicas.

Há algumas diferenças entre os filmes e os livros mas perfeitamente aceitável até porque algumas adaptações teriam mesmo que serem feitas para levar a obra às telas. Por exemplo, quando Gandalf no primeiro filme se despede de Frodo para realizar algumas pequenas pesquisas sobre o Um anel e depois volta ordenando que ele parta do condado, acontece tudo muito rápido. Mas no livro isso demora anos e Frodo quando parte do condado já esta com seus cinquenta anos de idade. O filme tinha que ser mais rápido mesmo não? E o que dizer de Merry e Pippin? No filme esses dois tem mais ou menos uma função meio cômica eu diria, no livro os dois exercem seu papel de importância na história construindo grande fama.images (8)

Na verdade no filme eles meio que embarcam na jornada por acidente mas no livro os dois são muito espertos e logo desconfiam que Frodo e Sam estão planejando partir do Condado e planejam tudo para ajudá-los e garantir sua segurança. Eu adoro os dois e eles mereceram toda a recompensa de serem reconhecidos na história, são corajosos e destemidos e demonstram a todo momento a lealdade para com seus amigos.

A amizade inclusive é muito destacada no livro. A obra está repleta de exemplos de coragem e lealdade. Sam e Frodo por exemplo. Os dois passam por muita coisa e estão sempre juntos, inseparáveis. Se Sam não estivesse com Frodo ele nunca teria conseguido terminar sua tarefa. Quando Frodo não suporta mais o peso de sua carga Sam está sempre ao seu lado o encorajando e o defendendo dos perigos.

images (3) images (6)

Sem mencionar Legolas e Gimli. Se você leu o Hobbit já sabe que existe uma certa rivalidade entre elfos e anões. E foi assim no começo, mas logo Legolas e Gimli se tornam melhores amigos e depois que a guerra do anel termina os dois embarcam juntos em uma viagem exploratória. No livro toda aquela competição sobre quem mata mais inimigos também existe assim como no filme.

images (15)Quando a Sociedade do Anel fracassa, Frodo sente a necessidade de partir sozinho para destruir o anel. Mas Sam não permite  e embarca junto com ele:

“-Mas preciso partir imediatamente. É o único jeito.

-Claro que é- disse Sam. – mas não sozinho. Também vou, ou nenhum de nós vai. Vou fazer buracos em todos os barcos primeiro.'” (vol I pág 433)

sociedade

E o que falar do Gandalf? Ele é tipo “o Cara”. Uma coisa que me irritava muito enquanto eu lia O hobbit é que o Gandalf meio que sumia toda hora, mas é claro que depois quando mais precisavam ele reaparecia bem na hora “H” . Em O Senhor dos Anéis é mais ou menos assim também. Ele é o sábio, um dos protetores da Terra Média e tem como sua última função ajudar a evitar que Sauron retome seu poder.

GandalfApós lutar contra Balrog Gandalf acaba morrendo, mas por não ter terminado sua missão seu espírito é permitido retornar ao seu corpo para completar sua última tarefa na Terra Média. Eis que ele surge então como Gandalf “O branco”. E surpreende a todos que acreditavam que a sua morte era certa após sua queda num abismo enquanto lutava com a terrível criatura.

Gandalf surge representando ainda a esperança, mesmo que tudo indique que o fim é eminente.

Nos filmes toda a ação entre Sam e Frodo é intercalada com os demais acontecimentos, o que não acontece nos livros tendo essa separação dos acontecimentos.

Não tem como falar em O Senhor dos Anéis e não mencionar a criatura mais asquerosa do livro mas que tem um papel fundamental na trama: Smeagol.

images (16)

Sam tinha horror a criatura e não confiava nele nem por um segundo. Frodo já se mostrava mais paciente com Gollum, acredito eu que não só por saber que ele era importante para a sobrevivência dos dois e para o sucesso de sua tarefa, como por já sentir o peso do anel ele tinha que acreditar que existia uma saída para a criatura assim como para ele próprio.

Uma outra coisa que é um pouco diferente é a forma como o romance de Arwen e Aragorn é tratado. No filme ele é bem explorado e Arwen é presença constante em todos os filmes enquanto no  livro sua figura tem uma rápida aparição em A Sociedade do Anel e só volta a aparecer em O Retorno do Rei quando trata-se do casamento entre os dois. Todo o romance só é descrito apenas em um de seus apêndices do livro. A quem critique todo esse enfoque que foi dado no filme mas eu particularmente adoro, mesmo que Arwen não tenha tido assim tanta participação no livro eu gosto muito do romance dos dois.

aragorn e arwen

Tolkien a princípio havia planejado um romance entre Aragorn e Eowyn porém mais tarde mudou de idéia.

download (2)

Eowyn é outro personagem feminino que tem bastante destaque. É uma guerreira e não se esconde por trás de sua aparência suave e delicada. No perigo anseia em lutar para defender sua família e sua terra. Ela e seu irmão Éomer foram criados pelo seu tio Théoden, rei de Rohan. Na guerra seu tio a encarrega de governar Rohan em sua ausência, mas ela contrariando sua vontade se disfarça de cavaleiro para lutar em batalha.

As personagens femininas aliás tem destaques na obra como Galadriel, A senhora de Lórien. Ela é descrita como a mais bela e também mais poderosa Elfa que permaneceu na Terra Média. Mas causava medo em muitos pois tinha o poder de  perscrutar a mente dos outros. Gimli tinha uma enorme admiração por ela.

download (3) cate-blanchett-and-the-lord-of-the-rings-the-fellowship-of-the-ring-gallery

Um dos meus personagens favoritos é Aragorn, também conhecido com Passolargo. Adoro sua personalidade e a força do seu caráter. Ele foi criado em Valfenda por Elrond, tratado como se fosse seu filho tendo sua identidade guardada em segredo pois era o último herdeiro de uma linhagem de Reis, descendente de Isildur, que tomou o Um anel das mãos de Sauron.

aragornQuando participa da guerra do anel Aragorn tem cerca de 87 anos, apesar de não aparentar tal idade devido a sua linhagem, essa era uma característica do seu povo, viver por muitos anos. Ele e Arwen tiveram 3 filhos. Duas meninas e um menino.

O mais legal para quem gosta dos filmes e nunca leu o livro é que o livro está recheado de detalhes que aconteceram pós guerra do Anel. Por exemplo, no filme quando os hobbits finalmente regressam para o condado ele está inalterado, a guerra não chegou até lá portanto não alterou em nada a vida de seus moradores. No livro é diferente, existe todo um capítulo dedicado ao retorno dos hobbits ao condado e em como tudo na vila mudou drasticamente graças à Saruman que para se vingar de alguma forma usou seu poder para oprimir os moradores do condado, então inicia-se toda uma guerra para recuperar a paz da vila.

images (4)Samwise torna-se prefeito do condado e assim permanece por sete vezes consecutivas. Peregrin homenageia Faramir colocando seu nome em seu primogênito, que quando adulto se casa com a filha de Sam e Rosinha. Merry passa a ser conhecido como ” O Magnífico” devido todos os seus feitos realizados.

Tanto o livro como o filme são de fato incríveis. Consegue imaginar todo esse universo de Tolkien retratado de uma forma melhor? De que outra maneira poderíamos conhecer Valfenda ou Moria, ou a Floresta de Lórien com tanta perfeição? Sem falar na trilha sonora: perfeita!

Só podemos agradecer a esse mestre por ter deixado todo um Universo para nos deliciar. Sou apaixonada pelos filmes e pelos livros e gostaria de falar muito mais sobre esse universo mas ficará para um outro post combinado? O Senhor dos Anéis marcou minha adolescência e sempre terá um lugar especial em meu coração. ❤

images (7)

A Lista de Schindler

images (3)

Hoje resolvi falar desse filme que é sem dúvidas um dos filmes que mais me marcaram em toda minha vida. E não é exagero meu, olha que já tem um tempo que assisti e lembro de que foi o único filme em que me emocionei só de indicá-lo a outra pessoa. Só o tema do filme é algo que mexe muito comigo, o holocausto é uma realidade triste demais porém nunca tinha visto esse tema ser retratado de forma tão crua e viva antes e talvez por tudo isso e muito mais esse tenha sido um dos filmes que mais me emocionou. Ele mostra um retrato duro e miserável e até que ponto a humanidade conseguiu chegar e ao mesmo tempo mostra um fio de bondade em meio ao inferno e ao caos. O que mais me impressionou no filme foi a realidade em que tudo foi retratado, desde as cenas mais brutais e desumanas, a exatidão e a sensibilidade presente em cada detalhe. Não é atoa que o filme é considerado uma obra prima e vencedor de sete oscars levando seu diretor Steven Spielberg ser merecidamente elogiado na época. E o fato do filme ser todo em preto e branco é um ponto que o torna ainda melhor na minha opinião, nos leva a captar ainda melhor a sensibilidade e essência de cada cena.

O filme vai mostrar a perseguição dos judeus na Polônia, como eles perderam seus direitos como cidadãos, como eles foram expulsos de suas próprias casas tendo seus bens confiscados e em seguida serem levados ao Gueto de Cracóvia e posteriormente para os campos de trabalho e campos de extermínio. Toda brutalidade desse trágico episódio da nossa história foi brilhantemente retratado no filme.

Em meio a tudo isso eis que surge Oskar Schindler, um empresário cheio de ambição que se utiliza da guerra para enriquecer. Ele se utiliza da mão de obra judia em sua fábrica de utensílios de comida pois esta é a mais barata que ele pode conseguir já que seu interesse era ganhar dinheiro fácil com o negócio. Dono de uma lábia impressionante ele tinha ótimo relacionamento com pessoas do alto escalão da Gestapo, fazia negócios no mercado negro e era grande fã de bebidas, festas e de mulheres. No começo Oskar Schindler é retratado como um homem ambicioso que deseja enriquecer a qualquer custo e se vê imune a todas as atrocidades à sua volta, porém aos poucos vamos percebendo sua mudança de caráter ao longo do filme. Oskar conhece e contrata Itzhak Stern, um contador judeu, para administrar sua fábrica pois segundo ele mesmo, ele é um homem de relacionamentos mas não de números. Aos poucos sua fábrica Emalia se torna cada vez mais forte e as boas relações de Schindler lhe rende contratos para produzir esmalte para material de cozinha para o exército, com isso sua fábrica passa a ser considerada essencial pra o esforço de guerra, o que o permitiu ajudar os mais de mil funcionários judeus de sua fábrica.

A famosa cena do gueto é o marco da mudança de Schindler, onde ele assiste de longe e horrorizado os nazistas invadirem o local e levarem centenas de judeus para os campos de extermínio, outras centenas para o  campo de concentração em Plaszow, enquanto outros tantos serem mortos pelas ruas do gueto.

gueto

A famosa cena da garota do vestido vermelho em meio aos nazistas é memorável, na sequência ela aparece morta em uma pilha de cadáveres.

a lista de schindller

O campo de concentração de Plaszow  foi aberto em 1943 sendo seu responsável  Amon Goth um home absolutamente sádico que matava judeus de forma aleatória de cima de sua sacada.

amon goth

Interpretado tão brilhantemente por Ralph Fiennes que mais tarde uma sobreviventes do holocausto disse ter tremido quando o viu em cena. É um dos vilões mais aterrorizantes do cinema. Goth planejava passar todas as fábricas para o interior do campo. Porém Schindler com todo seu jogo de cintura e um bom suborno conseguiu impedir que sua fábrica fosse recolocada e conseguiu acolher os seus trabalhadores e além de outros judeus de fábricas próximas à ele sendo assim os judeus conseguiam ficar a salvo das execuções sádicas de Goth e eram melhor tratados e alimentados. Tudo à custo de muita diplomacia e suborno por parte de Schindler que fazia de tudo para salvar vidas que se tornaram tão preciosas para ele.

amon e schindller oskar schindller a lista de schindler 2lista de schindller

Quando deu-se o início ao encerramento dos campos de concentração o restante dos prisioneiros eram enviados para Auschwitz e Gross-Rosen a ordem era exterminar todos os judeus. Todas as fábricas que não fossem diretamente envolvidas no esforço de guerra seriam fechadas. Oskar Schindler passou então a alterar sua linha de produção para granadas anti-tanque tentando assim salvar as vidas dos seus trabalhadores. Foi assim que Schindler usou toda sua fortuna assim como todo seu poder de persuasão para convencer Goth e os oficiais em Berlim, a mudar sua fábrica para  Brünnlitz levando com ele seus trabalhadores salvando-os da morte nas câmaras de gás. É nesse momento em que ele monta sua famosa lista de 1200 judeus.

filme a lista de schindler

Muita emoção corre nesses últimos momentos principalmente quando o trem levando 300 mulheres da lista de Schindler foi levado para Auschwitz ficando em risco de serem enviadas para as câmaras de gás. No entanto Oskar não desistiu e às custas de muitos subornos do mercado negro e diamantes ele consegue enfim levar as mulheres para Brunnlitz.

Em 1945 era anunciada à rendição Alemã. Sendo membro do partido nazista Schindler estava em risco de ser preso como criminoso de guerra e se prepara para fugir com sua esposa. Na cena mais emocionante do filme, onde ele se despede de seus funcionários, ele recebe de Stern e outros companheiros, um anel inscrito “Quem salva uma vida, salva o mundo inteiro”. Oskar se questiona se poderia ter feito mais e lamenta por ter gasto tanto dinheiro quando significava que poderia ter salvo mais vidas.Graças aos seus esforços seu legado está até hoje nas gerações de famílias judias que sobreviveram.

Um filme para guardar na memória ❤ . Se Oskar Schindler foi ou não ficcionado no filme vale a pena conferir essa obra prima do cinema além de conferir também a ótima atuação de Liam neeson. Assista antes de morrer.

Dum Laga Ke Haisha

Dum-Laga-Ke-Haisha-2015-720p-download1

Dum Laga ke Haisha (em Inglês: dar em toda a sua energia) é um filme indiano lançado em fevereiro deste ano. O filme é dirigido por Sharat Katariya e estrelado por Ayushmann Khurana e Bhumi Pedneka nos papéis principais. Essa comédia romântica vai contar a história de Prem, um rapaz tímido e inseguro que é dono de uma loja de gravação de fita cassete,e Sandhya uma jovem educada que está prestes a arranjar um emprego como professora. Acontece que o pai de Prem o obriga a casar com a moça, já que não deu à ele apoio suficiente para que completasse os estudos consegue enxergar o casamento do filho como um bom negócio para a família. E assim Prem se vê casado a contragosto com uma mulher pela qual nutre certa aversão não só por ela representar tudo do qual ele estava fugindo no momento, como pelo fato da esposa ter excesso de peso. Tudo isso somado gera conflito e tensão ao recém casal além da total falta de compatibilidade entre eles.

Enquanto Sandhya tenta em vão conquistar alguma melhora no relacionamento Prem não realiza esforço algum, ignorando sua esposa completamente, mostrando assim seu completo desinteresse. Ele guarda um imenso rancor por não ter conseguido concluir os estudos e enxerga o casamento como uma condenação ao seu fracasso. Sandhya por outro lado é uma garota bem resolvida, educada, inteligente e aceita muito bem sua aparência, tenta a todo o custo conquistar a afeição do marido mais a cada dia isso parece mais impossível, até um momento em que as circunstâncias e atitudes de Prem tornam a convivência impossível e Sandhya resolve pedir o divórcio.

Prem se vê prestes a perder sua loja para a concorrência e em meio a tudo isso sua família o pressiona a participar de uma corrida organizada na cidade onde o marido tem que carregar sua esposa nas costas.

Ao longo do filme entre a indiferença e a hostilidade de Prem conseguimos dar algumas risadas com a família do rapaz, assim como de algumas situações hilárias como por exemplo o fato de Prem viver sob a ameaça de apanhar de chinelada do pai. É sim uma comédia gostosa e tocante, não é aquele tipo de filme que vai te arrancar gargalhadas até por que não é esse seu propósito, mas vai apresentar uma história encantadora e atraente ao seu modo.

Senti um pouco a falta de acompanhar mais o nascimento do sentimento que passa a crescer entre eles, mas o romance não deixa de ser explorado de outras formas, como por exemplo na própria aceitação de Prem de que falhou com a esposa.

big_356521_1423811814images (2)   images (4)images  tn1_Dum_Laga_Ke_Haisha_4_vghww_Indya101(dot)comimages (1)

Simplesmente Acontece

simplesmente-acontece-frente_1_jpg_1000x1353_q85_crop

Simplesmente Acontece é um livro da Cecelia Ahern e conta a história de Rosie e Alex, melhores amigos desde a infância, eles são inseparáveis porém no último ano da escola as circunstâncias acabam fazendo com que Alex se mude com a família para Boston e Rosie continua em Dublin, na Irlanda. Mas esse último ano muda o rumo dos acontecimentos para Rosie, que é obrigada a mudar seus planos completamente. Alex vai cursar medicina em Harvard e Rosie tinha sido aceita para a Universidade em Boston para cursar Hotelaria, seu grande sonho. Tudo estava encaminhado, ela iria para Boston se juntar ao seu melhor amigo denovo, porém as coisas não saem como ela havia imaginado. No baile de formatura do último ano da escola Rosie iria acompanhada de Alex, porém devido um imprevisto (o primeiro de muitos!) ele perde o avião e Rosie acaba indo acompanhada de Brian e resultado: Rosie engravida naquela noite. A gravidez muda todos os seus planos e sua vida vira de pernas pro ar.

O livro todo é narrado através de cartas, e-mails e mensagens de texto. Esse tipo de narrativa tem seu lado positivo e negativo na minha opnião, pode parecer que deixa algumas lacunas na história mas de certa forma eu me prendi muito na leitura, o que tornou suas quase 500 páginas super fáceis de ler, não é nem de longe uma leitura cansativa.

Rosie e Alex continuam amigos ao longo dos anos e é engraçado como a todo o momento você acha que finalmente os dois irão ficar juntos e de repente acontece um outro imprevisto. E os anos vão passando e parece cada vez mais difícil que eles percebam que se amam e que nasceram para ficar juntos. Ok..clichê não? Mas são exatamente essas reviravoltas do livro que o torna diferente de tantas histórias parecidas de melhores amigos que descobrem que se amam e decidem ficar juntos. A Rosie é tão real e os acontecimentos na vida dela são  tão anti conto-de-fadas que torna a leitura mais divertida, por que ao mesmo tempo em que tudo o que aconteceu com ela e fez com que sua vida mudasse completamente é o que define quem ela é no momento.

Fazia um tempinho que não lia romance mas esse foi para a minha lista de favoritos. Sua narrativa diferente e leve me prendeu facilmente e me agradou desde as primeiras páginas.

Terminado o livro claro…fui conferir a adaptação 😀

Sobre o filme:

hqdefaultO livro sempre vai ser mais completo que o filme, claro traz muito mais detalhes sobre os personagens, visto que o filme é só uma adaptação da obra tem que ser levado em conta que algumas mudanças devem ser feitas para a tela. Como por exemplo acho que a passagem de tempo como há no livro não iria mesmo cair bem no filme, já que no livro acompanhamos a Rosie desde a infância até os seus 50 anos. E no filme isso só seria possível com uma mudança de atriz ou transformar uma Lily Collins com cara de quinze anos em uma jovem senhora. Enfim, aprovado o filme e livro. Os atores são ótimos, é uma trama gostosa de se ver, mas confesso que se não tivesse acompanhado o livro primeiro não ia conseguir captar tão bem esse romance nas telas como foi nas páginas do livro, já que nelas eu consegui me prender e me emocionar muito mais.

images (8) images (9) images (10) images (13) images (12) images (11)

A Big Love Story

abiglovestory

Adoro assistir um filminho para matar o tempo. E quando um filme aparentemente bobinho, daqueles que você assiste sem pretensão nenhuma acaba se tornando uma boa surpresa fica ainda melhor. A big Love Story traz uma história gostosa de se ver, trata de um tema muito sério de forma leve e divertida. Aquele filme água com açucar que no final acaba se tornando uma boa experiência.

Vamos conhecer Sam (Robbie Kller), um ex jogador de futebol que, após se aposentar por problemas no joelho, acaba ficando acima do peso. Cansado da sua rotina e das condições em que se encontra resolve que deve perder peso mas essa resolução é mais difícil do que ele pensava. Após uma aposta com seus amigos ele se inscreve em uma academia e lá conhece sua treinadora: Cassie (Jillian Leigh). Uma amizade nasce entre eles, mas Sam quer algo mais do que isso, porém a relação conturbada da garota com seu ex namorado dificulta um pouco as coisas.

Sam tem suas razões para ter uma vida conturbada e depressiva, mas o personagem consegue ser carismático o tempo inteiro, mostrando suas fragilidades e inseguranças de uma forma bem descontraída e sensível, fazendo com que nos sensibilizamos e torcemos pelo casal. ótima pedida para um fim de noite. 🙂

download (1)

workout

maxresdefault

Tomates Verdes Fritos

filme-tomates-verdes-fritos

Que delícia de filme! Sensível, doce, divertido, para resumir: encantador. Tomates Verde Fritos trás uma história gostosa de se ver, daquele tipo de filme que envolve e que fica um bom tempo na memória, meu tipo favorito alías.

A história se passa em dois tempos, um deles nos dias atuais, que no caso é nos anos 90, e a outra parte se passa nos anos 30. O desenrolar de tudo começa quando Evelyn e seu marido vão visitar uma tia em uma casa de repouso em uma pequena cidade no interior do Alabama. Lá Evelyn conhece uma senhora muito alegre e falante, a Sra. Threadgoode, e inicia com ela uma amizade muito forte. Evelyn começa então a visitar essa senhora todos os dias e assim passa a conhecer a história de Idgie Threadgoode e de sua amizade com Ruth narrada bela simpática velhinha. E assim conhecemos esses dois universos e nos encantamos com as duas histórias apresentadas. Há muito o que nos prender em ambas as histórias. No passado temos um misterioso desaparecimento e suspeita de assassinato, e no presente a Evelyn,com seus problemas no relacionamento, com um marido que praticamente ignora seus esforços em reacender a chama da paixão em seu casamento.

A mensagem que nos é passada é da importância de valores como a amizade e lealdade em nossas vidas. Trás um toque feminino de leveza e sensibilidade.

O filme de 1991 se baseia no romance escrito Fannie Flag que ainda não tive o prazer de ler mas que já está mais que anotado. Quanto ao filme só me resta dizer: Deliciem-se…delicadamente perfeito. 😉

images (5) images (6) images (7) images (8) images (9) images (10) images (11)tomatesjovens8

Te amarei até a morte

images (6)

Bem como uma romântica assumida qualquer história de amor me envolve. Jab Tak Hai Jaan foi lançado em 2012, com a direção de Yash Chopra e nos papéis principais os atores Shah Rukh Khan, Katrina Kaif e Anushka Sharma.

Samar Anand é um major do exército indiano do esquadrão anti-bomba, ele é respeitado por todos e conhecido como o homem que não pode morrer, já que ele desarma bombas sem demonstrar nenhum medo ou respeito à sua segurança pessoal. Depois de um tempo, Akira Rai, uma cineasta novata da Discovery Channel, se acidenta e é resgatada pelo major. Samar dá-lhe o seu casaco, mas vai embora antes de pegá-lo de volta. Akira encontra o diário de Samar no bolso do casaco e começa a lê-lo. Nesse diário ele relata os anos em que viveu como imigrante em Londres trabalhando como músico e fazendo trabalhos braçais. Quando Samar vai trabalhar como garçom ele encontra Meera durante sua festa de noivado. Em troca de aulas de inglês, Samar concorda em lhe ensinar a cantar. Os dois passam muito tempo juntos e acabam se apaixonando, mas Meera teme desapontar seu pai se não se casar com Roger, seu noivo. Por isso faz uma promessa à Deus de que nunca vai ultrapassar a linha com Samar e só poderão ser amigos, caso contrário Deus poderia castigá-los da maneira que ele quiser. Porém Meera não resiste e se rende ao amor. No dia em que Meera deveria contar a seu pai sobre seu relacionamento Samar sofre um acidente de moto, ela então reza e faz uma promessa a Deus de que se Ele salvar a vida de Samar em troca ela nunca mais iria encontrá-lo novamente. Samar tem uma rápida recuperação e descobre sobre a promessa de Meera. Com raiva ele deixa Londres e desafia Deus a mantê-lo vivo, enquanto ele arrisca sua vida diariamente, pois ele acredita que sua morte é a única maneira de fazer Meera perder sua fé na divindade que roubou seu amor. Após dez anos separados um do outro Samar retorna à Londres a pedido de Akira que se apaixonou pela sua história e por ele também ao passar meses ao seu lado colhendo filmagens para seu documentário sobre o homem que desafiava a morte todos os dias sem medo algum. Esses dez anos transformaram Samar em outro homem, um cara sem vida, turrão, como se a perda do seu amor tirasse sua alegria de viver. Akira representa a juventude, uma figura inteligente, cativante,bem parecida com a imagem do Samar de anos atrás. Akira desenvolve uma paixão platônica pelo major. Quando Samar retorna a Londres ele sofre outro acidente e tem uma perda de memória e só lembra dos acontecimentos antes de seu acidente a dez anos atrás. Bem absurdo até ae, mas gente estamos falando de um filme romântico aqui tá? relaxa e deixa levar pela história porque absurdo por absurdo já começa pelas promessas malucas da Meera. Mas isso tudo a gente perdoa, porque estamos nos transportando por um mundinho perfeito onde torcemos pelo final felizes para sempre ok? Então tá..seguindo a história Akira se vÊ obrigada a encontrar Meera e trazê-la para Samar pois ela é a única pessoa da qual ele se lembra e só chama por ela. Como estará Meera após esses dez anos? Bom vou parar nesse ponto da história. Enfim eu curti e recomendo. Acho lindo as músicas. Não espere um show de interpretação e nem uma história com personagens super bem construídos, mas se delicie com uma linda história de amor. Não gosta de romance? Então esse não é o filme certo pra você. Quanto a mim….eu adorei. 🙂

images (2) anushka-sharma-in-jab-tak-hai-jaan-movie-5 images (1)images (3)  images (5)  images

Um gostindo do filme:

Um pouquinho de música 🙂

Mais música 😀

Jodhaa Akbar

9

Recentemente tive a honra e o prazer de conhecer essa produção belíssima de bollywood que muito me impressionou pela sua beleza. O figurino, fotografia, os atores, tudo muito lindo.Tudo isso pode ser atestado em suas 3 horas de duração. Essa super produção custou cerca de 15 milhões de reais, e conta no elenco com os dois atores mais bem pagos da índia: Hrithik Rpshan (como Jalaluddin Mohammad Akbar) e Aishwarya Rai (como Rajkumari Jodhaa). E mais ainda, cenas de guerra com direito a elefantes, coreografias belíssimas, sem mencionar a trilha sonora maravilhosa! É de cair o queixo. Tudo isso faz com que suas 3 horas de duração passe tão rápido diante dos seus olhos sem que nem ao menos perceba.

A história é baseada em fatos reais, já que o imperador realmente existiu, porém a propria existencia de Jodhaa é controversa. Tudo se passa na India do século XVI dominada pela dinastia Mughal, de imperadores muçulmanos. O imperador Jalaluddin Mohammad Akbar busca expansão do seu império a fim de unificar todo o Hindustão, sendo assim ele concorda em se casar com Jodhaa, uma princesa hindu Rajpout pois vê nisso uma boa aliança entre os povos, mas a princesa não se alegra com o casamento pois suas culturas e crenças são muito diferentes mas se sacrifica para o bem de seu povo. Jodhaa é dona de uma personalidade forte e impõe uma condição ao casamento, a condição de que ela seja livre para seguir sua crença hindu e construir no palácio um pequeno templo onde ela possa praticar sua fé. Em meio a tantas diferenças, Jodhaa sofre rejeição e preconceito no reino de Akbar, mas com sua personalidade e segurança ela conquista o coração do imperador que se apaixona perdidamente por ela. Porém são muitos que não vêem com bons olhos essa união e que farão de tudo para envenenar um contra o outro. Resumindo podemos contar com uma trama envolvente cheia de romance, ação e uma produção de encher os olhos. Super recomendo!

8750ec505fa3c48f8930d1d9d712189b 167036-jodha-akbar 907101048421750 CREATOR: gd-jpeg v1.0 (using IJG JPEG v62), quality = 100 jod3a jod12h jodhaa-akbar jodhaaakbar4 maxresdefault (1) maxresdefault Jodha-Akbar-2008images (1)

Apaixonada pela trilha sonora doce 😉

Os filmes indianos são conhecidos por ter muita música e dança, porém esta é a única sequência em que os atores realmente cantam, eu achei lindo essa cena

Aqui podemos ver a riqueza nos detalhes dos figurinos

Vamos dançar?

TOP 5 FILMES DE DANÇA

Difícil é assistir um filme de dança e depois não sair pela casa pensando ser um bailarino (coisa perigosa).

Temos aqui cinco filmes que vão te fazer querer dançar pela casa toda.

Footloose-s.-30

1. Footloose

Kavin Bacon é um astro da dança nesse filme de 1984. O filme conta com uma ótima trilha sonora e a cena final é bem divertida, sem falar na musica footloose que é viciante. O filme ganhou uma versao atual em 2011 que também vale a pena conferir. Ren é um rapaz que acaba de se mudar da cidade grande para uma pequena cidade do interior onde se tem uma regra bem estranha: é proibido dançar. Apaixonado pela música, Ren decide lutar para que essa regra seja banida.

flashdance

2.Flashdance

Embalada pela música what a feeling – Irene Cara, as cenas de dança desse filme são empolgantes, sem contar no romance como pano de fundo. Assisti e recomendo.

dirty-dancing-2

3. Dirty Dancing

patrick swayze está ou não está incrível nesse filme? Um perfeito professor de dança! Baby está passando as férias com sua família num resort, quando conhece Johnny Castle, um instrutor de dança, e acaba se apaixonando por ele. Vale apena conferir a cena clássica onde Baby é puxada para dançar por Johnny ao som de the time of my life. 

article-1281032259543-0AB01AE0000005DC-67147_636x300

4. Se ela dança eu danço 3

Difícil não se empolgar com as coreografias bem elaboradas desse filme, sem falar na trilha sonora. A dança de rua ganha destaque nesse filme, assim como no restante da série. Muito empolgante.

1193170236_f

5. Dança comigo?

Richard Gere é John Clark, um homem com um emprego maravilhoso, uma esposa  e uma família amável, mas que sente algo lhe faltar a cada dia. É ai que ele descobre sua nova paixão: a dança. 😀

Filmes a postos, agora é só assistir e dançar rs

Filmes de mulherzinha

200px-BridgetJonesDiaryMoviePoster

Quem não gosta de curtir um bom filme no sofá? Drama, comédia, terror, romance…Mas vamos falar dos populares filmes de mulherzinha que adoramos, cheios de clichês, alguns finais previsíveis e  água com açucar, mas que não podem faltar!

Segue alguns :

amor-a-segunda-vista3

Amor à segunda vista

Sandra Bullock e filme de mulherzinha combinam, e esse não podia ficar de fora. Hugh Grant tá um máximo nesse filme, na pele de George Wade, um multimilionário dono de uma empresa e chefe de  Lucy Kelson, interpretada pela nossa querida Sandra Bullock. Acontece que Lucy é uma advogada brilhante que além de chefe do conselho da empresa ainda por cima é uma especie de conselheira e babá pessoal de George que não consegue fazer absolutamente nada sem a sua ajuda, incluindo escolher a própria gravata. Lucy então resolve pedir demissão, porém Walde só aceitará sua demissão caso ela encontre alguém capaz de substitui-la, uma tarefa bem difícil.

download

O diário de Bridget Jones

Ah esse é um dos meus favoritos. Uma espécie de Orgulho e Preconceito moderno, conta a história de Bridget jones relatando em seu diário várias situações que fazem parte do seu dia-a-dia: problemas no trabalho, a busca do homem ideal e etc, tudo de uma forma muito divertida.

perder05

Como perder um homem em dez dias

Clássico filme de mulherzinha não podia faltar na lista. A confusão começa quando Ben Barry, um publicitario, resolve apostar que consegue fazer uma mulher se apaixonar por ele em apenas dez dias, e ele escolhe sua vítima: Andie Anderson, o que ele não sabe é que ela,uma jornalista, está trabalhando em um um artigo para publicar na revista que trata de : “Como Perder Um Homem em Dez Dias”. Resultado: Uma serie de divertidos episódios que vão tirar boas risadas.

a-proposta-papel-de-parede-1

A proposta

Mais um com a Sandra Bullock, é uma divertida comédia romântica que gira em torno de Margaret Tate ( Bullock), uma imigrante canadense que descobre que corre o risco de ser deportada por conta de seu visto expirado, determinada em manter sua posição como executivo-chefe, ela convence seu assistente a fingir ser seu noivo e casar-se com ela.

download (1)

O amor não tira féria

Nessa comédia natalina que fala sobre mudanças de vidas por causa de novos ares, Amanda Woods e Iris Simpkins são duas mulheres que vivem completamente distante uma da outra, na verdade, elas vivem em dois pontos completamente opostos da Terra.Mas as duas possuem algo em comum: estão cansadas da vida que levam e precisam desesperadamente mudar de ares, para poder se renovarem.É aí que as duas se conhecem pela Internet e resolvem colocar em prática um plano maluco: resolvem trocar de casas justamente nos feriados natalinos, ou seja, Amanda vai viver na casa de Iris, e Iris na casa de Amanda.Durante essa troca, Íris se diverte em uma imensa casa luxuosa e Amanda, mesmo em um chalé pequeno, passa um ótimo natal.

tumblr_lw1vrb3zhv1qj9w71o1_500

Diário de uma paixão

Filme mais que lindo, é baseado no livro de Nicholas Sparks e tem sua história narrada por um homem idoso que todos os dias visita uma senhora com Alzheimer e  para ela uma linda história de amor: “Noah era um jovem operário numa pequena cidade. Allie era uma garota rica e culta da capital. Eles se conheceram num parque de diversões e, apaixonados, viveram o mais intenso verão de suas vidas. Porém, por imposição da família de Allie, o jovem casal teve que se separar. Veio a 2ª Guerra Mundial e Allie conheceu um soldado de família tradicional que a pediu em casamento. Sete anos mais tarde, às vésperas de seu casamento, Allie reencontra Noah e tudo vem à tona outra vez, colocando a jovem em um terrível dilema, com o coração dividido entre seu primeiro amor e o belo rapaz que pode lhe oferecer a vida tranqüila que sua família sempre sonhou.” Enquanto o homem que a visita lhe conta este envolvente romance, a senhora doente parece redescobrir o prazer de emoções há muito adormecidas, relembrando passagens de sua própria juventude.

Muito Bem Acompanhada

Muito bem acompanhada

Kat Ellis (Debra Messing) volta à casa dos seus pais, em Londres, para o casamento da irmã. Com medo de encarar um encontro com o ex-noivo,que lhe deu um fora dois anos antes, e então ela decide contratar um acompanhante, Nick (Dermot Mulroney), para fingir ser seu namorado. Uma graça esse filme.

O-CASAMENTO-DO-MEU-MELHOR-AMIGO01

O casamento do meu melhor amigo

Julianne e Michael combinaram certa vez que, quando fizessem 30 anos de idade, casariam-se caso estivessem ainda solteiros. Ao receber um telefonema de Michael, às vésperas da fatídica data, anunciando o seu casamento, Julianne percebe, tarde demais, que sempre foi apaixonada pelo amigo.Ela é então convidada por ele para ser madrinha de seu casamento com a bela Kimberly, e aceita somente para atrapalhar e tentar desfazer esse romance. Uma comédia romantica muito divertida,e a trilha sonora também é demais.

plano-b

Plano B

 Zoe (Jennifer Lopez) está cansada de esperar pelo homem dos seus sonhos e decide não mais esperar para realizar o sonho de ser mãe, então ela parte para um inseminação artificial. Porém ela conhece Stam, o cara perfeito! Segue então uma série de divertidas confusões enquanto Zoe tenta esconder sua gravidez, até que ela resolve então contar a verdade. Filme lindinho.

pretty woman3

Uma linda mulher

Tem como não amar esse filme? A história se concentra na prostituta Vivian Ward que é contratada por um rico empresário, Edward Lewis, para ser sua acompanhante por uma semana, mas os dois acabam se apaixonando.

Romance de mulherzinha ou não pouco importa porque nós amamos mesmo assim 🙂 concordam?