Por mil anos

imagesJSLIZDVBVenha logo tomar meu coração de uma vez
não aguento mais poucas doses de você por dia
Peço que não demore
eu espero, com a porta entreaberta
Um convite para você entrar
Me tome de uma vez em seus braços e me faça acordar
Sinto que tenho dormido por mil anos (…)

(by Ksouza)

Como eu era antes de Você

como eu era antes de voce

Seguindo a linha do romance me deparei com o livro Como eu era antes de Você da escritora Jojo Moyes. Minhas expectativas para o livro era que seria uma leitura romântica e como sou manteiga derretida quem sabe até me faria derramar algumas lágrimas. Ao terminar o livro confirmei todas as minhas expectativas porém achei que o final seria um pouco diferente, sim eu alimentei minhas esperanças até a última página do livro, é como dizem “a esperança é a última que morre”. Enfim, é um livro lindo, sensível e tem suas partes bem humoradas apesar de o drama principal trazer um tema até bem pesado e polêmico. É uma história de amor comovente.

Bem, no livro conhecemos Louisa Clark. Uma mulher de 26 anos, que mora com os pais, a irmã que é mãe solteira, o sobrinho pequeno e seu avô. Ela acaba de ser despedida do café em que trabalha e se vê em busca de um emprego, é nesse ponto que sua vida se encontra com a de Will Traynor, um rapaz de 35 anos, rico, inteligente e extremamente mal-humorado. Após um acidente em que foi atropelado por uma moto Will ficou tetraplégico, se tornando um homem amargo e frio com todos ao seu redor. Sua mãe contrata Louisa, mesmo ela sem ter qualificação alguma, para ser cuidadora de Will durante seis meses.

Nesse trabalho Louisa tenta de todas as maneiras mudar Will, tentando fazer com que o homem deprimido e amargurado volte a enxergar algum lado bom da vida. Porém Will tem um segredo, ele está obstinado a dar um fim ao seu sofrimento no fim do prazo de seis meses, é onde Lou tenta usar esse tempo para tentar convencê-lo de que a vida ainda vale à pena. Nessa luta ela acaba conhecendo várias coisas: que a vida pacata e sem perspectiva alguma da qual ela estava acostumada pode se transformar em algo muito maior e que a visão que tinha de si mesmo era muito pequena se comparado ao que ela pode ainda conquistar, um mundo inteiro lá fora que ela ainda pode conhecer. Em meio a tantas coisas que ela passa a aprender ela conhece algo ainda maior: o amor.

Como eu era antes de você é aquele romance que mexe com seu sentimento. Não é só mais um romance bonitinho. É algo maior. Will expõe todo o sofrimento que um homem antes ativo e esportivo, se vê preso a uma vida totalmente dependente e dolorosa demais para ser levada adiante. É um outro lado da moeda em que para alguém perfeitamente saudável é duro e difícil de se imaginar, até mesmo de aceitar que o fim pode ser a última alternativa.

É um livro que te faz pensar e te da um choque de realidade no final o que faz com esse romance fique guardado na mente por ainda mais tempo.

Medo

abracos_casal

Tenho medo de não ver mais seu olhar antes do beijo de boa noite,
Tenho medo de não sentir mais seu perfume no meu travesseiro pela manhã,
Tenho medo das palavras: Nunca Mais cruzarem meus pensamentos todos os dias,
Medo de não tocar seu rosto depois de ter te olhado por horas seguidas,
De não ouvir mais você sussurrar no meu ouvido coisas como: Eu te amo!
Não eu não posso mais viver sem isso, não agora depois de ter provado com você.
Eu tenho medo da despedida, da partida, do adeus
E se eu não puder dizer tudo isso hoje, amor, creio que não vou poder guardar por muito tempo
Porque talvez quem sabe essa seja a última chance de dizer
o quanto amo você!

(by Ksouza)