Clássicos da Literatura Nacional

jose de alencar(1)

A nossa literatura nacional é rica e traz obras maravilhosas dignas de serem admiradas. Vejo hoje em dia que a literatura brasileira é tida muitas vezes como chata e cansativa. Acho que essa é uma visão tida pelos jovens de uma forma muito equivocada, imagino que seja pela maneira como tais obras são apresentadas ou impostas hoje em dia como leitura obrigátoria.Comecei minha paixão pela literatura com os clássicos nacionais e resolvi falar um pouco sobre isso hoje. O primeiro autor ao qual tive contato foi Jose de Alencar, me apaixonei por suas obras e tenho ele como meu escritor favorito. Vou falar mais sobre classicos da literatura nacional por aqui mas hoje resolvi começar pela minha obra favorita do autor: Senhora.

Porém antes de começar pela obra vamos conhecer um pouco mais sobre esse escritor maravilhoso?

José de Alencar nasceu em Mecejana, Ceará no dia 1 de maio de 1829. Filho de José Martiniano de Alencar, senador do império, e de Ana Josefina,foi romancista, dramaturgo, jornalista, advogado e político brasileiro. Foi um dos maiores representantes da corrente literária indianista destacando-se com a publicação do romance “O Guarani” e ”Iracema”. Destacou-se também em temas regionalistas, históricos e aqueles conhecidos como romances de costume ou romances urbanos. José de Alencar morreu em 1872 de tuberculose. Anos mais tarde, foi homenageado como patrono da cadeira nº 23 na Academia Brasileira de Letras, fundada por Machado de Assis.

Sobre Senhora:

Lançada em 1875 essa obra trata sobre a questão de como o matrimônio era visto na época como uma alavanca para se alcançar determinado status social. Uma crítica do autor sobre a sociedade do Rio de Janeiro no século XIX. O romance condena o casamento por conveniência e nos apresenta sua heroína: Aurélia Camargo, uma jovem bela, pertencente a uma classe tida como inferior. Ela é noiva de Fernando Seixas, ele corresponde ao seu amor porém não possui a mesma índole inflexível de Aurélia e se deixa levar pelas ilusões da sociedade, permitindo que o ambiente o influencie na sua maneira de viver. Acaba assumindo grandes dívidas e comprometendo a sua família. Diante da situação Fernando rompe seu noivado e decide se unir à uma garota rica chamada Adelaide. Aurélia então tem sua maior decepção na vida. Porém o destino lhe apresenta uma chance perfeita de vingança: A moça recebe uma grande herança de seu avô e vê nisso a arma para se vingar de uma sociedade corrompida. Ela encarrega seu tio e tutor a negociar seu casamento com Fernando. Ela o seduz com um grande dote fazendo o rapaz romper seu noivado acreditando estar fazendo um grande negócio. Porém Aurélia esconde sua identidade o máximo possivel, até que no último momento revela seu rosto ao rapaz que acredita ser o homem mais feliz do mundo pois nunca havia deixado de amar Aurélia. É nesse momento que surge sua vingança, e uma das cenas mais belas do livro quando Aurélia em sua noite de núpcias deixa claro a Fernando que o ”comprou” para que ele representasse seu papel tal como era exigido pela sociedade que uma mulher em sua posição social teria que ter: um marido.

Super recomendo, vale a pena conhecer as obras classicas da nossa literatura nacional e por que não começar por esse romance lindo? Adoro ver o desenrolar da trama, Aurélia se sente uma mulher tráida e deixa seu orgulho falar mais alto até as últimas paginas do livro, e ver Fernando sofrer ao se ver como tal um ”homem vendido”, sentindo-se humilhado pelo amor de sua vida. Aurélia que ora se mostra inflexível, caprichosa, insaciável em sua vingança e ora se mostra ciumenta e apaixonada não conseguindo esconder que ainda o ama. E fernando que com o tempo tem sua mudança de caráter e comportamento revelando-se um homem modesto e não usufruindo da riqueza da esposa, passa a trabalhar e se vestir humildemente. O leitor pode esperar um ótimo desenrolar da história e se vê na crescente expectativa do reecontro dos amantes.

Para ilustrar um pouquinho esse romance entre Aurélia e Fernando vai algumas cenas da novela exibida na Rede Record  Essas mulheres, cujos personagens principais foram baseadas nas obras do escritor: Diva, Luciola e Senhora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s